Qual o impacto ambiental que eu gero ao consumir o Açaí Juçara Barbacuá?

Atualizado: 22 de Ago de 2020

Em primeiro lugar, é importante você saber que ao consumir a Juçara, você já está contribuindo para a perpetuação e permanência dessa espécie, visto que o seu consumo ainda é bastante associado ao corte para palmito. Hoje, sabemos que uma Juçara em pé é muito melhor do que deitada. Por inúmeros motivos. Um deles, é que o corte para palmito sacrifica/mata a planta. A Juçara é uma das únicas palmeiras que não rebrota após o corte, inclusive existe uma lei N 2.831-b, de 2008 que proíbe o seu corte em áreas de preservação ambiental/mata nativa.

No entanto, o seu extrativismo ilegal ainda é bastante recorrente. E aí temos um grande problema, visto que essa árvore é considerada um símbolo da Mata Atlântica, árvore mãe, alimenta uma série de animais e contribui para o equilíbrio do ecossistema de diversas formas.

Além disso, a Juçara em pé, é uma fonte alternativa de renda importante para pequenos agricultores, pois o extrativismo legal do fruto, mantém a planta viva e frutificando por muitos anos. Uma Juçara em idade produtiva, possui em média de 2 a 5 cachos por palmeira, portanto, temos disponibilidade de alimentos tanto para os animais quanto para os humanos.

O Açaí Barbacuá opta por não colher os frutos da mata nativa, deixamos os mesmos para o equilíbrio do bioma. Nossos frutos são colhidos em áreas planejadas de plantio agroflorestal, na sua maioria consorciados com bananas.

Após a colheita dos frutos, eles são despolpados. Nesse processo, retiramos a polpa, e a semente permanece intacta. Com isso, conseguimos reinseri-las ao meio ambiente para que novas palmeiras sejam plantadas, esse é um CICLO.

Em cada pacotinho de Açaí Barbacuá, são utilizadas cerca de 180 sementes de frutos. Mas pensa comigo, se 50% dessas sementes brotarem, e 10% delas chegarem á idade adulta, temos cerca de 9 palmeiras Juçaras por pacotinho.


É um grande impacto não é mesmo?!

A Juçara é resistência e certamente estamos lutando pela sua permanência. Por isso que falamos lá no início, que só de consumir Juçara você já faz parte do movimento de revitalização da mesma!


Juntos somos um movimento,

FAÇA PARTE DESSE CICLO.

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo